Tempo
Polícia Civil deflagra operação Game Over na cidade de Viradouro
20/03/2020

A Polícia Civil na região de Bebedouro, após investigar e, principalmente, depurar o conteúdo de uma informação anônima recebida e repassada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado de Ribeirão Preto, aferira a real possibilidade de que determinados estabelecimentos comerciais na cidade de Viradouro, poderiam estar propiciando aos seus clientes jogos eletrônicos de azar.

Baseado nesse trabalho de investigação preliminar, o Delegado de Polícia Carlos Arnaldo Nicodemos Andrade que, atualmente responde pela Delegacia de Polícia desse município, representara e conseguira que o Poder Judiciário dessa comarca expedisse um Mandado de Busca e Apreensão para que cinco estabelecimentos comerciais, tipo bar ou lanchonete, espalhados pela cidade, fossem devidamente vasculhados pelos agentes da Polícia Civil em busca de provas materiais que pudessem dar sustentação probatória as respectivas investigações.

No final da tarde de 12/03, aproximadamente 14 policiais civis deflagraram operação no sentido de que tais pontos comerciais fossem, simultaneamente, revistados, logrando-se, logo em seguida, encontrar e apreender equipamentos eletrônicos destinados à prática de bingo eletrônico nos cinco estabelecimentos comerciais tidos inicialmente como suspeitos.

O Delegado de Polícia responsável pelo caso, disse que os proprietários desses estabelecimentos, bem como os responsáveis pelo fornecimento desses equipamentos, em princípio, deverão responder criminalmente perante o Poder Judiciário pela prática da contravenção penal de jogo de azar.

Por: Assessoria de Comunicação Social – Delegacia Seccional de Polícia de Bebedouro

 

Mulher tenta entrar em presídio com carne recheada de maconha

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa que, no último final de semana (dias 14 e 15), agentes de segurança flagraram visitantes tentando entrar com drogas, anotações suspeitas e estimulante sexual em presídios abrangidos pela Coordenadoria da Região Noroeste (CRN). Em caso registrado na Penitenciária II de Serra Azul, mulher foi descoberta com carne recheada de maconha.

Outras sete unidades também registraram apreensões de materiais ilícitos no período de visitação, incluindo estimulante sexual e LSD.

Em todos os flagrantes, a Polícia Militar (PM) foi acionada para registrar boletim de ocorrência. Também foi aberto procedimento interno para apurar o envolvimento dos presos nas ocorrências.

Vale destacar que, mesmo com a ampla divulgação na mídia das crescentes apreensões em todo Estado de São Paulo, visitantes seguem tentando burlar as revistas, sem sucesso, graças à perícia de agentes penitenciários aliada à tecnologia dos scanners corporais.

 

Penitenciária de Franca

A Penitenciária de Franca registrou três apreensões no final de semana. A primeira ocorreu por volta das 8h20 de sábado, dia 14, quando o irmão de um detento foi flagrado com quatro comprimidos de estimulante sexual escondidos no cós da calça. Dez minutos depois, a esposa de um preso foi descoberta com 51 gramas de maconha em seu ânus. Questionada, a visitante negou qualquer irregularidade. Entretanto, ao ser informada que seria levada ao hospital para exames, retirou a droga de seu corpo e tentou jogá-la embaixo do escâner corporal, mas teve a ação flagrada por servidores. No domingo, 15, a unidade registrou a terceira apreensão: 11 porções de maconha e 15 cigarros da mesma droga, além de 51 micropontos de LSD que a esposa de um detento escondeu no cós da blusa. Nos três casos, os flagrantes ocorreram durante procedimento de revista pelo escâner corporal. As duas mulheres foram levadas ao Plantão Policial e presas. Já o rapaz barrado com estimulante sexual ficou impedido de entrar na unidade. O medicamento foi apreendido e levado à delegacia para registro de boletim de ocorrência.

 

Penitenciária de Marília

Uma mulher foi flagrada tentando entrar na Penitenciária de Marília com duas porções de maconha costuradas em sua blusa, durante procedimento de revista pelo escâner corporal. A descoberta se deu por volta das 9h30 de sábado, dia 14. Questionada, a visitante disse que teria pego emprestada a peça de roupa na entrada da unidade, não sabendo, portanto, sobre a droga. Novamente indagada, ela confessou que a maconha seria entregue ao companheiro para quitar dívidas que ele adquiriu no presídio. A mulher foi encaminhada à delegacia e presa em flagrante.

 

Penitenciária II ‘Luiz Gonzaga Vieira’ de Pirajuí

A Penitenciária II “Luiz Gonzaga Vieira” de Pirajuí registrou duas apreensões no domingo, dia 15. A primeira ocorreu por volta das 10h40, quando a companheira de um detento foi flagrada com 30 gramas de maconha e 28 gramas de cocaína escondidas na vagina. Cerca de uma hora depois, outra mulher que visitaria o marido foi barrada com 120 gramas de maconha camufladas no cós da calça. Em ambos os casos, as visitantes foram levadas à delegacia e presas.

 

CDP ‘ASP Nayan Xavier Ribeiro’ de Ribeirão Preto

Uma mulher foi flagrada tentando entrar no Centro de Detenção Provisória (CDP) “ASP Nayan Xavier Ribeiro” de Ribeirão Preto com 150 gramas de maconha escondidas em sua vagina. A descoberta se deu por volta das 9h20 de domingo, dia 15, durante procedimento de revista pelo escâner corporal. Questionada, a visitante confirmou a irregularidade e retirou a droga de seu corpo espontaneamente. Ela foi levada à delegacia e presa.

 

CDP ‘ASP Sandro Alves da Silva’ de Serra Azul  

O Centro de Detenção Provisória (CDP) “ASP Sandro da Silva” de Serra Azul registrou duas apreensões no final de semana, sendo a primeira no sábado, dia 14, por volta das 10h40. A irmã de um detento foi flagrada com maconha e 10 micropontos de LSD escondidos na barra do top (sutiã). Na manhã de domingo, dia 15, os agentes de segurança apreenderam duas porções de maconha (71,6 gramas) fixadas à cintura e seios de uma mulher que visitaria o companheiro. Nos dois casos, as visitantes foram levadas à delegacia e presas.

 

Penitenciária I de Serra Azul

Uma mulher foi flagrada tentando entrar na Penitenciária I de Serra Azul com 77 gramas de maconha escondidas no top (sutiã), durante procedimento de revista pelo escâner corporal. A descoberta ocorreu às 10h20 de domingo, dia 15. A visitante foi levada à delegacia para o registro de um boletim de ocorrência.  

Penitenciária II de Serra Azul

Uma mulher foi flagrada tentando entrar na Penitenciária II de Serra Azul com 23 porções de maconha escondidas em pedaços de carne, durante procedimento de revista pelo escâner corporal. A descoberta ocorreu às 8h50 de sábado, dia 14. A visitante, cadastrada como companheira de um detento alegou que havia trazido a droga espontaneamente. Ela foi encaminhada à delegacia e presa em flagrante.

 

Centro de Detenção Provisória (CDP) de Taiúva

Uma mulher foi flagrada tentando entrar no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Taiúva com quatro folhas de caderno contendo anotações suspeitas, por volta das 9h50 de sábado, dia 14. Embalados em uma fita adesiva, os papéis estavam escondidos no ânus da visitante e foram descobertos durante procedimento de revista pelo escâner corporal. Entretanto, a mulher negou qualquer irregularidade e precisou ser levada ao hospital, onde exames comprovaram a suspeita. Ela foi impedida de entrar no Centro de Detenção. Em todos os casos registrados, as unidades também instauraram Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam as drogas, medicamentos ou anotações suspeitas.  

A SAP informa que pessoas flagradas tentando entrar com objetos ilícitos em presídios são automaticamente suspensas do rol de visitas.

 

 
Mais Notícias
 
09/04/2020 - Câmara Municipal sobe o tom das cobranças e prefeito se vê obrigado a tomar atitude

09/04/2020 - Galvão prorroga quarentena até 22 de abril

09/04/2020 - Governo de São Paulo vai entregar 25.850 adesivos eletrônicos para o pagamento automático de pedágios a caminhoneiros

09/04/2020 - Saúde informa que Bebedouro conta com 71 casos de dengue

09/04/2020 - SAAEB Ambiental suspende atendimentos presenciais

09/04/2020 - Credicitrus destaca ações realizadas no atual cenário brasileiro

09/04/2020 - CAECC auxilia moradores de rua durante quarentena

09/04/2020 - Hemocentro de Bebedouro necessita de doadores

09/04/2020 - Entenda como renegociar contratos em função da pandemia de coronavírus

09/04/2020 - Rápidas da Política

Capa
Ofertas Sesé
Classificados
Lena Santin
Bebedouro Clube
Nando Domingues

© Copyright - Jornal Impacto/ 2020, Todos os direitos reservados - by + ideias Comunicação
Total de visitas do dia: 269
Total: 1.750.181